/ Finanças

O guia do Boleto Bancário: o que é, sua importância, como emitir

Você, provavelmente, já sabe: o boleto bancário é uma das formas mais comuns de pagamento no Brasil todo.

Muitas empresas oferecem a possibilidade de desconto para os clientes que optam pelo pagamento através do boleto bancário.

Isso se dá, principalmente, pela praticidade proporcionada pelos boletos tanto para quem está realizando a venda, quanto para quem está consumindo o produto ou serviço.

Dessa forma, não é exagero afirmarmos que o boleto bancário é uma ferramenta essencial para a administração financeira de diversas empresas.

Apesar de ser usado frequentemente, muitas pessoas não sabem o que é boleto bancário, porque ele é importante e como fazer a sua emissão.

Esse é o seu caso?

Se for, não há problema. Iremos te falar tudo o que você precisa saber sobre boleto bancário no nosso artigo de hoje. Continue a leitura e você saberá mais.

Primeiramente, vamos ver qual é a definição dessa forma de pagamento.

Afinal, o que é boleto bancário?

Não existem mistérios em torno de o que é boleto bancário. Basicamente, o boleto é um documento, um título de cobrança, que pode ser pago em qualquer instituição financeira.

Lembre-se que, essencialmente, instituições financeiras são os bancos, casas de crédito e corretoras financeiras.

Dessa forma, o cliente do serviço ou produto que está sendo consumido deve realizar o pagamento do valor que consta no boleto bancário em uma dessas instituições.

O boleto bancário pode ser emitido de maneira avulsa ou, ainda, em formato de carnês, com mais de um boleto conjuntamente.

Agora, você sabia que até mesmo pessoas físicas podem emitir boletos? Isso mesmo. O uso do boleto bancário não é restrito a empresas e pessoas jurídicas.

Pessoas físicas também podem, em seus bancos, através de aplicativos, emitir um boleto bancário. Interessante, não é mesmo?

Para que se entenda melhor o que é boleto bancário, é importante falarmos sobre o que consta nesses documentos. Vamos lá?

Você sabe o que deve constar em um boleto bancário?

Dificilmente uma pessoa nunca viu um boleto bancário na vida. Esse meio de pagamento é tão usual que nos deparamos com boletos a todo tempo.

Em um boleto bancário existem dados importantes para que quem for realizar o seu pagamento não se confunda e cometa erros.

Um boleto bancário, sem dúvidas, deve constar, acima de tudo, o valor que deverá ser pago.

Depois, é necessário indicar qual instituição financeira, qual banco, será beneficiada com o pagamento do boleto bancário.

Normalmente, também consta em um boleto, além do cedente - quem receberá o pagamento -, o sacado que é o titular da cobrança. Ou seja, quem irá efetuar o pagamento.

Contudo, se você observar os boletos emitidos por pessoas físicas, através dos aplicativos de seus bancos, não há determinação do sacado.

Além disso, um boleto bancário deve conter o vencimento do documento. Isso quer dizer que existe uma data limite para que o pagamento seja realizado.

Depois dessa data, normalmente, o boleto irá expirar e o sacado não conseguirá realizar o seu pagamento.

Contudo, alguns tipos de boleto bancário irão conter especificações a respeito de o que pode ser feito depois dessa data de vencimento.

Nesses casos, não é incomum a cobrança de taxas extras, multas, por dia após a data limite do boleto.

Ainda, os boletos bancários possuem um código de barras que une todas essas informações em apenas um lugar, no código.

Dessa maneira, é possível captar os dados de forma automática por meio de leitores ópticos.

Por que fazer uso de um boleto bancário?

Como mencionamos anteriormente, o uso de boleto bancário é muito comum e muito prático para ambas as partes envolvidas.

Mas será que apenas a praticidade faz o uso do boleto bancário ser tão usual? Certamente não.

Existem alguns outros benefícios a partir do uso de boletos e nós iremos falar sobre isso logo a seguir.

Praticidade

O primeiro desses benefícios é, sim, a praticidade. É bem simples realizar o pagamento de um boleto bancário. É possível fazê-lo em qualquer instituição financeira, durante a maior parte do dia.

É possível fazê-lo, até mesmo, de casa ou de qualquer outro lugar em que você esteja, desde que se tenha uma boa conexão com a internet.

Basta ter instalado em algum dispositivo eletrônico, o aplicativo do seu banco para que o pagamento seja realizado.

Da mesma maneira, caso você seja o cedente do boleto, diversos tipos de boleto bancário podem ser emitidos com poucos cliques a partir de um aplicativo.

Além da praticidade, podemos citar, como benefícios do uso do boleto bancário, as taxas envolvidas.

Menores taxas

As taxas de um boleto bancário, em geral, são menores do que as que são cobradas em transações bancárias e cartões de crédito.

Caso, para pagar, a data de vencimento seja extrapolada, o novo valor a ser pago é, facilmente, recalculado e, também, o dinheiro é liberado com mais agilidade por meio dos boletos.

Maior segurança

Além disso, o pagamento por boleto bancário costuma trazer mais segurança aos consumidores, principalmente quando falamos de compras em e-commerces.

Os clientes mais jovens preferem o boleto porque não precisam dispor de serviços de crédito e, assim, sentem que o pagamento é realizado de maneira mais segura.

Já os de mais idade, optam pelo boleto porque através do mesmo é possível contar com um comprovante físico do pagamento em compras online.

Esses levantamentos foram feitos pelo Instituto Data Popular e você pode conferir esse e outros resultados clicando aqui.

Otimização das rotinas

Outro benefício proporcionado pelo boleto bancário é a otimização de processos dentro da gestão interna de uma empresa.

Como já mencionamos anteriormente, o boleto bancário facilita toda a administração financeira de uma empresa.

É possível contar com a conciliação de pagamentos, tendo em vista que plataformas de emissão e gestão de boletos podem trabalhar de maneira integrada, eliminando a necessidade de troca de documentos com o banco. Muito útil, não é mesmo?

Ademais, como veremos com mais detalhes a seguir, a emissão de um boleto bancário é feita de forma automática e eficaz.

Isso é muito importante, tanto para a empresa quanto para o cliente ou consumidor que deverá realizar o pagamento.

Redução de custos

Você já parou para pensar que um boleto bancário, seja em um serviço e-commerce ou físico, diminui consideravelmente os custos operacionais?

A redução de custos é um objetivo primordial em qualquer empresa, desde que não haja prejuízos para a qualidade do serviço, obviamente.

O custo do boleto bancário, então, é bem menor quando comparado aos custos operacionais de cartão crédito.

Para manter o funcionamento do cartão de crédito é necessário pagar valores para manutenção, aluguel de equipamento e, ainda, vale lembrar que o valor pago fica retido por 31 dias na companhia de crédito.

Todos esses benefícios fazem o uso do boleto bancário ser a melhor opção na grande maioria dos casos.

Mas agora, você já se perguntou como o boleto bancário funciona?

Saiba como o boleto bancário funciona

Para gerar um boleto bancário é necessário seguir alguns passos. O primeiro deles é ter uma conta corrente junto à instituição financeira.

É importante ressaltar que muitos bancos oferecem determinadas carteiras de cobrança para alguns fins específicos.

Por isso, também é necessário procurar um gerente de banco para que seja possível gerar boletos.

A emissão do boleto bancário em si pode ser feita através do próprio banco ou, também, através de ferramentas externas que realizam esse processo com a devida segurança.

Depois que o boleto é gerado, o restante do processo é muito simples. É necessário, apenas, realizar o pagamento.

Para o sacado (a parte que irá efetuar o pagamento), existem diversas formas de pagamentos.

É possível ir até ao banco pessoalmente, no caixa eletrônico ou na boca do caixa, pode-se, também, efetuar o pagamento com aplicativos bancários ou, ainda, em casas lotéricas.

O valor pago, então, será debitado em um período determinado pelo banco de forma que a empresa que emitiu o boleto tem ciência de quais boletos foram pagos e quais estão em aberto.

Assim, a análise de inadimplentes é facilitada, bem como e liberação de mercadoria, quando a empresa em questão comercializa produtos.

Ainda, podemos ir pouco além no entendimento de o que é boleto bancário e tudo o que é importante nesse assunto. Você sabia que existem diferentes tipos de boletos? São sobre eles que vamos falar agora.

Conheça os tipos de boleto bancário existentes

Basicamente, existem dois tipos de boleto bancário que se diferem em relação às modalidades de cobrança: boleto bancário com registro e boleto sem registro.

Contudo, se faz necessário destacar que, ao longo de 2018, está sendo realizada uma mudança gradativa que ocasionará no registro obrigatório de todos os boletos.

Entretanto, mesmo que, daqui a pouco não vá mais existir o boleto sem registro, é necessário entendermos o que esse tipo de boleto bancário significa.

Boleto simples ou boleto bancário sem registro

O boleto bancário simples é emitido por uma empresa sem que o banco saiba quem irá pagar esse boleto.

Dessa forma, não é descrito quem é o sacado do boleto. E, ainda, não há o valor e data de vencimento do documento.

Essa é uma opção muito empregada por diversas empresas porque os bancos, usualmente, só cobram pelos boletos que foram de fato pagos.

Sendo assim, quando o boleto simples, ou sem registro, é gerado, não há nenhum custo para a empresa, ou instituição, cedente.

E, ainda, se o cliente, a parte sacada, desistir de pagar o valor do documento, não é necessário pagar pela emissão do boleto bancário.

Todavia, precisamos pensar nos motivos que fazem o boleto sem registro não ser o ideal.

Esse tipo de boleto bancário será abandonado porque a flexibilidade em seu uso faz com que haja pouco controle sobre a cobrança**.

Ainda que sejam estabelecidas multas para caso o boleto seja pago depois do vencimento estipulado, não existe a possibilidade de cobrança alguma caso o cliente opte por não pagar o boleto.

Outro motivo que faz esse tipo de boleto não ser usado é que a Febraban, Federação Brasileira de Bancos, tornou essa prática ilegal no nosso país.

Boleto bancário com registro

O boleto bancário com registro é o oposto ao boleto simples.

Como no simples não havia a determinação de quem deve efetuar o pagamento, no boleto com registro essa determinação é indispensável.

Isso significa que deve estar especificado o sacado, com seu nome e CPF, ou CNPJ, caso seja pessoa jurídica, além do valor e data de vencimento do documento.

Quando o boleto é emitido, um arquivo é enviado para o banco.

Assim, essa rigidez no processo de emissão e pagamento do boleto bancário faz com que seja possível, por exemplo, protestar o sacado caso o pagamento não seja realizado diante da entrega do produto ou prestação do serviço.

Dessa forma, podemos afirmar que o boleto bancário com registro oferece maior segurança para quem está realizando a cobrança.

Essa segurança é proporcionada pelo fato de todo boleto ter o CPF ou CNPJ das duas partes envolvidas: de quem está cobrando e de quem deve realizar o pagamento.

Quando os dados estão de acordo com o sistema do banco, a operação e processada automaticamente e em tempo real.

Caso haja não conformidade dos dados, é simples: o pagamento não poderá ser efetuado.

Se você ainda não faz uso do boleto bancário com registro, é necessário começar a se adaptar e, caso necessário, fazer alterações nos seus processos internos.

Primeiramente, busque um contador e se informe a respeito das mudanças relacionadas aos boletos.

Caso você julgue necessário, procure um software que vá te auxiliar na emissão de boletos de forma legalizada e automática.

É importante fazer uso da tecnologia sempre que possível, visto que ela pode ajudar, e muito, nos processos cotidianos de uma empresa, como na emissão de boleto bancário. Diante disso, queremos te convidar a conhecer o software de gestão financeira Keruak. Nosso software pode te auxiliar em diversos serviços. Venha conhecê-lo, entre em contato conosco!

CTA-KRK-2--Relat-rios--36

Natália Lima

Natália Lima

Co-Founder & CFO - Keruak Software. Carreira em Administração de Empresas. MBA em Controladoria e Gestão Estratégica. Para se ter sucesso basta dar o melhor de si e deixar os resultados com Deus.

Read More