/ Gestão Financeira

Notas fiscais de serviços: tudo o que você precisa saber sobre NFS

Notas fiscais de serviços são parte de um assunto muito importante para qualquer empresa. Ainda que um pouco desagradável, processos burocráticos são extremamente importantes para que as empresas continuem operando na legalidade do nosso sistema judiciário.

Algumas pessoas acham que só é necessário emitir nota fiscal quando há a venda de algum produto. Nesse caso, a nota fiscal, normal, é emitida.

Mas, quando serviços são vendidos, é emitida a nota fiscal de serviço. Ela é bem parecida com a nota fiscal de produto, mas existem algumas diferenças.

Com você pode perceber, existem tipos de notas fiscais diferentes.

O quão familiarizado você está com todo esse assunto? No nosso artigo de hoje, iremos te explicar tudo o que você sabe precisa saber sobre notas fiscais de serviços.

Continue a leitura para saber mais!

O que são as notas fiscais de serviços?

As notas fiscais de serviços são as notas emitidas por empresas que prestam serviços. Esse processo foi facilitado graças à tecnologia e, por isso, não apenas empresas com produtos físicos devem realizar a emissão de notas fiscais.

A nota fiscal de serviços eletrônica, também chamada de NFS-e, passa a substituir as tradicionais notas que eram feitas em papel.

Essa foi uma iniciativa da Secretaria Estadual da Fazenda cujo objetivo era tornar material os elementos que geram ISSQN — Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza.

Dessa forma, o controle digital dessa movimentação é facilitado e devidamente tributado.

Qual é o processo para a emissão das notas fiscais de serviços?

A emissão das notas fiscais de serviços não se diferencia muito da emissão para NF-e: para que você faça a emissão de NFS-e, antes de tudo, é necessário ter o Certificado Digital.

O certificado, por sua vez, pode ser adquirido por empresas ligadas ao governo que prestam esse tipo de serviço.

Ainda, vale lembrar, é necessário pagar uma taxa para a liberação do Certificado Digital e, somente com ele, você poderá emitir as notas fiscais de serviços.

Além do certificado, é necessário ter a autorização da SEFAZ  — Secretaria Estadual da Fazenda, onde a empresa se localiza.

Quando você tiver posse do certificado e da autorização, basta escolher um servidor para hospedar o software e emitir as notas desejadas.

As diferenças entre NF-e e NFS-e

Você sabe quais são as diferenças entre as NF-e e as notas fiscais de serviços eletrônicas? Bom, como já mencionamos no início do nosso artigo, a primeira é utilizada para a venda de produtos, enquanto a segunda é, obviamente, utilizada para a venda de serviços.

Além disso, existe uma outra diferença muito importante: a NF-e se comunica com a Secretaria Estadual da Fazenda. Já as notas fiscais de serviços têm relação com a prefeitura na qual a empresa se encontra.

Logo, no processo de emissão da NF, podem surgir algumas diferenças justamente porque os órgãos de emissão das notas são diferentes.

Quando lidamos com a SEFAZ, o processo é um pouco mais simplificado visto que já existe um modelo prévio que os estados devem seguir.

Entretanto, no caso das NFS-e, cada prefeitura pode apresentar determinadas particularidades e, talvez, seja isso que torne o processo de emissão de notas fiscais de serviços um pouco mais delicado.

Gerando as notas fiscais de serviços

No momento de gerar a nota fiscal em si, mais algumas diferenças vão apontar entre a NF-e e a NFS-e.

A Secretaria Estadual da Fazenda é quem vai transmitir o Certificado Digital para a geração da Assinatura Digital que irá validar as transações digitais.

Somente assim a nota fiscal é válida juridicamente.

Quando falamos de notas fiscais de serviços, tem-se o Recibo Provisório de Serviços, o RPS, que é gerado pelo sistema do contribuinte e, então, transmitido para a prefeitura para que a mesma transforme esses dados em nota fiscal.

Ainda, outra diferença entre NF-e e NFS-e se dá no software para geração e digitação da nota fiscal.

O portal da SEFAZ oferece um programa gratuito que possibilita a digitação de notas fiscais, apesar de o mesmo não ser indicado para grandes fluxos de notas.

Contudo, para as notas fiscais de serviços, o processo é um pouquinho diferente. Isso porque cada prefeitura terá um sistema específico para digitação da nota fiscal.

Quem não possui nenhum sistema de gestão, normalmente pequenos empreendedores, é beneficiado por esse sistema disponibilizado por cada prefeitura.

Como você pode perceber, com as notas fiscais de serviços, tudo é um pouquinho mais complicado.

Enquanto as notas fiscais de produtos podem ser geradas através da SEFAZ do seu estado, as notas de serviços precisam passar pela prefeitura e, com isso, uma quantidade maior de detalhes irá surgir no meio do caminho.

Mas isso não é motivo para desespero. Basta buscar o máximo de informações possível e sempre que necessário, recorrer à sua prefeitura para orientações mais detalhadas.

Veja as vantagens das notas fiscais de serviços

A automatização de processos está cada vez mais comum e, junto com diversas mudanças, o setor de prestação de serviços também está apresentando um crescimento significativo.

Nesse contexto, a emissão de NFS-e é parte essencial da legalização de processos internos de maneira positiva também para a empresa.

Veja a seguir outras vantagens que as notas fiscais de serviços apresentam:

  • Não há necessidade de realizar nenhuma outra forma de armazenamento, como talões ou as próprias notas impressas;
  • As notas fiscais de serviços podem ser emitidas em qualquer lugar desde que haja conexão com a Internet;
  • Não exige impressão imediata;
  • A segurança da informação é garantida, visto que o Certificado Digital assegura que sejam evitadas falsificações;
  • Existe maior confiabilidade na nota tanto para quem emite quanto para quem a recebe.

Ademais, o uso das notas fiscais de serviços eletrônicas faz com que a sua empresa gaste menos papel e se mantenha mais organizada.

A automatização de atividades como essa faz com que os seus processos sejam otimizados e, até mesmo, aumenta a credibilidade da sua gestão.

Você já parou para pensar em como a automatização de processos é importante para a gestão da sua empresa?

Automatizar não apenas otimiza os seus processos internos, mas também faz com que menos erros sejam cometidos e, com certeza, esse é um interesse de qualquer empreendedor que deseja ter sucesso.

Aproveite que você sabe mais sobre notas fiscais de serviços e veja como um emissor de nota fiscal pode te ajudar nessa tarefa tão importante para a sua empresa. Clique aqui para ter acesso ao nosso conteúdo.

Natália Lima

Natália Lima

Co-Founder & CFO - Keruak Software. Carreira em Administração de Empresas. MBA em Controladoria e Gestão Estratégica. Para se ter sucesso basta dar o melhor de si e deixar os resultados com Deus.

Read More