/ Finanças

Orçamento base zero: entenda o que é e como utilizá-lo

Você já ouviu falar em Orçamento base zero? Ele é muito útil para empresas que acreditam estar gastando demais ou que nem tem um total controle sobre o quanto é gasto com cada coisa.

No artigo de hoje vamos te mostrar o que é o orçamento base zero, como ele funciona e em quais casos ele é mais necessário.

Se você ficou interessado, continue a leitura!

O que é o Orçamento Base Zero (OBZ)?

O Orçamento Baseado Zero é o processo de criar um orçamento a partir do nada — sem usar o orçamento do ano anterior ou os números de gastos passados.

Nenhuma atividade é considerada intocável. Todas as despesas são julgadas e devem ser justificadas para permanecer no orçamento.

Essencialmente, a gerência deve começar do zero e examinar todas as operações e atividades para determinar se vale a pena gastar o dinheiro da empresa ou não. A gerência também deve definir metas de gastos completamente novas.

Isso significa reavaliar cada item e justificar todos os gastos a serem incorridos pelo departamento.

Assim, o orçamento base zero pode ser definido como um método de orçamento no qual todas as despesas do novo período são calculadas com base nas despesas reais a serem incorridas e não na base diferencial que envolve apenas a alteração das despesas incorridas, levando em consideração mudança na atividade operacional.

Sob esse método, toda atividade precisa ser justificada, explicando a receita que todo custo irá gerar para a empresa.

Ao contrário do orçamento tradicional — no qual se espera que as tendências passadas ou as vendas/despesas passadas continuem —, o orçamento base zero pressupõe que não haja saldos a serem transportados ou que não haja despesas pré-comprometidas.

No sentido literal, é um método para construir o orçamento sem bases anteriores. O orçamento base zero coloca ênfase na identificação de uma tarefa e, em seguida, no financiamento dessas despesas, independentemente da estrutura de despesas atual.

Ainda está confuso? Fique tranquilo. Ao ver como montar um orçamento base zero, você entenderá melhor o conceito.

Como fazer um orçamento base zero?

Vamos te mostrar agora como montar um orçamento base zero. É muito simples, veja só:

  1. Identifique a tarefa que precisa ser orçada;
  2. Encontre formas e meios de realizar a tarefa;
  3. Avalie essas soluções e veja quanto cada uma custará;
  4. Defina os números e prioridades.

Simples assim. No orçamento base zero não se leva em conta o quanto se gastou no ano anterior, apenas quanto poderá ser gasto no ano vigente. Veja um exemplo a seguir.

Exemplo de orçamento base zero

Tomemos um exemplo de um departamento de fabricação de uma empresa ABC que gastou R$ 10 milhões no ano passado. O problema é orçar as despesas para o ano atual.

Existem várias maneiras de fazer isso. A maneira tradicional será uma das seguintes opções:

  • O conselho de administração da empresa decide aumentar/diminuir os gastos do departamento em 10%. Assim, o departamento de manufatura da ABC receberá R$ 11 milhões ou R$ 9 milhões, dependendo da decisão da administração.
  • A gerência sênior da empresa pode decidir dar ao departamento o mesmo valor que recebia no ano anterior sem contratar mais pessoas no departamento, ou aumentar a produção, etc. Dessa forma, o departamento acaba recebendo R$ 10 milhões;

Outra maneira é, contra o método tradicional, utilizar orçamentos base zero, nos quais o número de R$ 10 milhões do ano anterior não é usado para cálculo.

A aplicação do orçamento base zero envolve o cálculo de todas as despesas do departamento e justificação de cada uma delas.

Isso reflete a necessidade real do departamento de fabricação da empresa ABC, que pode ser, por exemplo, de R$ 10,6 milhões.Olá,

Agradecemos pelo seu email. Parece que você não anexou um documento de identificação válido à sua solicitação. Não é possível verificar sua conta até que você nos envie uma cópia de um documento de identidade válido.

Responda a este email anexando uma cópia do seu documento de identificação. Você pode saber mais sobre os tipos de documentos de identificação que aceitamos na Central de Ajuda:

https://www.facebook.com/help/159096464162185/?ref=cr

Quando utilizar o orçamento base zero?

Agora você já sabe que o orçamento base zero é o método de desenvolver um orçamento do zero, examinando todos os custos e despesas para ver se eles são essenciais para as operações da empresa sem considerar as atividades dos anos anteriores.

Você deve ter notado que montar um orçamento desse tipo requer tempo e dedicação. Ele é bem mais complexo do que os modelos orçamentários tradicionais.

Sendo assim, muitas empresas utilizam modelos tradicionais para montar seus orçamentos e só optam pelo orçamento base zero quando a empresa está à beira de uma catástrofe financeira.

Toda empresa usa orçamentos para prever gastos e atingir metas financeiras. Nos orçamentos tradicionais, estes cálculos baseiam-se frequentemente no orçamento do ano anterior e nos valores das despesas.

Isso faz sentido para os gerentes que buscam um benchmark para definir metas de gastos. Eles podem facilmente ver o orçamento do ano anterior e ajustá-lo alguns pontos percentuais para cima ou para baixo.

Às vezes, os orçamentos e gastos das empresas estão tão fora de controle que toda a estrutura de custos da empresa precisa ser revisada.

Neste caso, não faz sentido olhar para o orçamento do ano passado. Todo o orçamento precisa ser completamente refeito. Para este tipo de mudança drástica, você pode utilizar o orçamento base zero.

Vamos supor que a empresa de construção de Pedro esteja lutando para sobreviver. Pedro não tem ideia de onde sua empresa está perdendo dinheiro, então decide começar a analisar todos os aspectos de seus negócios.

Pedro não usa as atividades do ano passado como referência para este ano. Em vez disso, ele analisa os números do ano atual para ver onde os custos podem ser cortados e o que pode ser executado com mais eficiência.

Com base no que a análise de Pedro revela, ele irá criar um orçamento e alocar fundos para cada departamento e atividade de acordo.

Embora esse método de orçamento seja muito mais demorado do que os demais modelos de orçamento, ele permite que o gerente veja problemas operacionais que talvez não tenham sido descobertos.

Utilizando ou não o orçamento base zero nos planejamentos financeiros da organização, é preciso sempre estar de olho nos indicadores financeiros que mostram como está a saúde financeira do negócio. Leia: Os 9 principais indicadores financeiros que você deve acompanhar.

Natália Lima

Natália Lima

Co-Founder & CFO - Keruak Software. Carreira em Administração de Empresas. MBA em Controladoria e Gestão Estratégica. Para se ter sucesso basta dar o melhor de si e deixar os resultados com Deus.

Read More